Skip to content

A culpa é da chuva que não vem…

dezembro 10, 2010

Via Jorge Diehl

Estiagem na Amazônia
A grave seca que assolou a região amazônica nos últimos meses deixou diversas comunidades isoladas devido à falta de navegabilidade dos rios.  O Rio Negro, um dos maiores afluentes do Rio Amazonas, registrou o nível  mais baixo dos últimos 40 anos.

Tem mais Rodrigo Baleia na galeria do IG.


Foto: Bruno Kelly/ AP


Foto: Alberto César Araujo/ AE

Seca nos rios Negro e Solimões
O fotógrafo Alberto César Araújo fala sobre a estiagem dos rios do Amazonas, que atinge situação crítica e ameaça a população ribeirinha

Notícia de setembro…

Seca em rios da Amazônia está próxima ao nível recorde
A seca nos rios da região amazônica já está próxima do nível recorde, segundo um relatório divulgado pela Agência Nacional de Águas (ANA). Por causa da falta de chuva, os rios Javari, Juruá, Japurá, Acre, Negro, Purus, Iça, Jutaí, Solimões e Madeira estão com níveis abaixo da média. A navegação noturna está suspensa na maior parte deles para evitar acidentes.
Comunidades nessas regiões já estão isoladas e falta água, alimentos, medicamentos e combustível em algumas delas. No Porto de Manaus, o nível do Rio Negro estava em 20,67m nesta quarta-feira, mas vem baixando dia a dia. A menor cota já registrada no Porto foi de 13,64 m, em 1963. Em Tabatinga, há queda acentuada no nível do rio Solimões, o que dificulta a navegação até Tefé.

No comments yet

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: