Skip to content

Notícias do Brasil

dezembro 12, 2010

Polícia prende suspeito de participar do espancamento e morte de torcedor do Cruzeiro, em MG
A Polícia de Minas Gerais prendeu em Belo Horizonte, na madrugada deste sábado, um integrante de uma torcida organizada do Atlético Mineiro, suspeito de participar da morte de um torcedor de 19 anos que foi espancado no dia 27 de novembro passado na Avenida Nossa Senhora do Carmo, em Belo Horizonte. Câmeras de segurança registraram a agressão. O suspeito foi encontrado dormindo na sede da torcida organizada. Ele tem 35 anos e teve a prisão temporária decretada. O suspeito fez exame de corpo de delito. O advogado dele negou participação no espancamento do torcedor.

As tristes notícias de Belo Horizonte

Envolvidos na morte de Rafael Mascarenhas são condenados a doar cestas básicas à  ABBR
Dois envolvidos na morte de Rafael Mascarenhas, filho da atriz Cissa Guimarães, foram condenados a doar cestas básicas ou dinheiro à Associação Brasileira Beneficente de Reabilitação (ABBR). De acordo com o Tribunal de Justiça do Rio, nesta terça-feira o juiz do 2º Tribunal do Júri do Rio, Paulo de Oliveira Lanzelotti Baldez, homologou a transação penal de Gabriel Henrique de Souza Ribeiro – que dirigia o carro que estaria disputando um pega com o de Rafael Bussamra, acusado de atropelar Rafael Mascarenhas na autoestrada Lagoa-Barra, saída do Túnel Acústico, na Gávea, em julho deste ano –  e Guilherme de Souza Bussamra, irmão do atropelador. Guilherme e o pai, Roberto, são acusados de subornar dois policiais para que o caso não viesse à tona.

No dia 10 de setembro, o Ministério Público denunciou Rafael Bussamra por cinco crimes: homicídio doloso, corrupção ativa, participação em “pega”, fuga do local do acidente e fraude processual. Somadas, as penas máximas podem chegar a 47 anos de prisão. Em novembro, o Tribunal de Justiça do Rio indeferiu o pedido de habeas corpus dos ex-policiais militares Marcelo Bigon e Marcelo Leal, acusados de cobrar R$ 10 mil de propina para liberar Rafael Bussamra, o atropelador de Rafael Mascarenhas. Os dois ex-PMs, que eram lotados no 23º BPM (Leblon), foram expulsos da corporação em outubro . Eles são acusados de corrupção passiva, falsidade ideológica e de descumprimento de missão.
De acordo com o tribunal, Gabriel Henrique irá pagar dez salários mínimos ou cestas básicas à ABBR. Além disso, ele teve sua carteira de motorista suspensa pelo prazo de um ano. Já Guilherme Bussamra, irmão de Rafael Bussamra, acusado de estar dirigindo o automóvel que atropelou Mascarenhas, irá pagar a metade do valor em dinheiro ou cestas básicas, para mesma instituição. De acordo com sua defesa, ele estaria residindo em São Paulo, o que lhe trouxe despesas, dificultando o pagamento do valor de dez salários.
A ABBR irá escolher o meio de pagamento a ser recebido. Os réus aceitaram o acordo proposto pelo Ministério Público estadual, mas ainda podem recorrer da decisão.

6 Comentários leave one →
  1. Guaracy Monteiro permalink
    dezembro 12, 2010 4:54 pm

    Prefiro não deixar a minha opinião no primeiro caso.🙂

    No segundo, acho que esse negócio só de dar um dinheirinho e/ou cesta básica muito sem cabimento. Acho que eles também deveriam trabalhar gratuitamente para a instituição (ou outra) aos sábados durante um período de uns dois anos.

Trackbacks

  1. Notícias do Brasil « Blog da Josefina | Revista Veja Brasil
  2. Notícias do Brasil « Blog da Josefina | Veja, Brasil
  3. Notícias do Brasil « Blog da Josefina | Veja, Brasil
  4. Notícias do Brasil « Blog da Josefina | Olha Brasil
  5. Notícias do Brasil « Blog da Josefina | Veja, Brasil

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: